O Iceberg não Foi o único culpado pela Tragédia do Titanic

21 de setembro de 2020

Todo mundo sabe que o navio Titanic se chocou com um iceberg no dia 15 de Abril de 1912, mas agora surgiu um novo estudo que lança mais um pouco de luz nessa terrível tragédia que ceifou a vida de quase 1.500 pessoas.

A pesquisadora Norte Americano Mila Zinkova traz a teoria que o transatlântico teria atingido o iceberg depois de ter saído da rota devido a uma explosão solar, teoria esta que foi publicada na revista científica Weather.

A pesquisadora cita evidências de uma forte atividade solar na noite em que o Titanic afundou no dia 15 de abril de 1912, sugerindo que uma grande tempestade solar pode ter feito a bússola magnética a bordo do navio apontar ligeiramente para longe do norte magnético, fazendo com que o Titanic mudasse o curso.

Este erro causado pela explosão solar colocou o Titanic em rota com a área de icebergs e diretamente para o montante de gelo que selaria o destino do gigantesco transatlântico, esta teoria é fortificada pelo fato do navio estar 24 km de distância do ponto informado no SOS.

Uma história que faz parte do coletivo popular a mais de um século recebe novos olhares de acordo com o aprimoramento da ciência, a mesma ciência que projetou agora ajuda a desvendar os seu mistérios guardados no profundo Atlântico Norte.

Agora é hora de compartilhar.
Vamos compartilhar.
Share on facebook
Compartilhe no face
Share on twitter
Compartilhe no Twitter
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp